skip to Main Content

Seja Bem-vindo!

O consultório da Dra. Maria Elisa Coimbra foi cuidadosamente planejado para um atendimento em ambiente agradável e acolhedor, pensando tanto nos pacientes pequeninos como nos mais velhos. No coração de Copacabana, de fácil acesso, próximo à estação Siqueira Campos e com opções de estacionamento no entorno.

Fale conosco

Email: maria.coimbra@dramariaelisacoimbra.com.br
Telefones: (21) 2549-9916 / 97113-6003
Rua Barata Ribeiro, 391 - Sl: 508-510 - Copacabana, RJ

Localização

(21) 2549-9916 (21) 97113-6003 maria.coimbra@dramariaelisacoimbra.com.br
Devemos Usar Dentifrícios Fluoretados Na 1ª Infância?

Devemos usar Dentifrícios Fluoretados na 1ª infância?

Muitos responsáveis têm dúvidas se devem ou não utilizar dentifrícios fluoretados para escovação dos dentes de seus filhos pequenos. No mercado estão disponíveis versões com e sem flúor com indicações para as diversas faixas etárias.

A ABO (Associação Brasileira de Odontopediatria) recomenda a utilização de dentifrícios fluoretados desde a 1a infância. Sua utilização para o controle de cárie está fundamentada na evidência de diversos estudo clínicos, mostrando que a escovação dental com a versão fluoretada é mais efetiva do que escovar com uma não fluoretada (Marinho et al., 2003).

Um creme dental com flúor (mínimo de 1.000 ppm/flúor) deve ser usado 2x ao dia como auxiliar de limpeza dos dentes de todas as crianças desde o 1o dente de leite na boca. Enquanto a criança não tiver condições de escovar seus próprios dentes adequadamente, o uso do dentifrício fluoretado é de responsabilidade dos pais.

Para evitar a fluorose dentária a quantidade de creme dental difere entre as idades, sendo elas:

  1. Bebês (0 a 3 anos) – metade de um grão de arroz cru (0,05g)
  2. Crianças que não sabem cuspir (3 a 7 anos de idade) – um grão de arroz (0,1g)
  3. Crianças que já sabem cuspir (acima de 7 anos de idade) – um grão de ervilha (0,3g)
Dentifrícios Fluoretados na Infância
Fonte: ABOPREV
Back To Top
×Close search
Search